FOTO POEMA

FOTO POEMA

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Filosofando

Sala agitada.
Fantasmas.
Loucos furiosos orquestrando com copos de whisky na mão,
a fermentação dos nervos que sorriem ao alcoolismo mórbido.
Aos influenciáveis, é como se cumprissem um dever.
Entre uma depressão e outra, buscam dar fim à solidão.
Em lágrimas olham no fundo dos olhos de uma tábua
de salvação e afagam seus cabelos.
Ânsias de desejos, alucinações.
Rápidas intenções de confortar com palavras.
A emoção enternece o momento,
rompe as conversas e concretizam-se beijos.
Então a sala estremece.
Suores frios na pele.
Sùbitamente um casal muda o roteiro,
para o quarto de dormir.
A cumplicidade simplesmente, adormce.

Cecília Fidelli.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...

Seguidores

MANO EM: ESSE É DO BOM!

MANO EM: ESSE É DO BOM!
TEXTO E ARTE: THIAGO GUIMARÃES MANO CRIADO POR THIAGO GUIMARÃES

MANO EM: ESTAÇÃO DO AMOR

MANO EM:  ESTAÇÃO DO AMOR
Mano texto e arte Thiago Guimarães