FOTO POEMA

FOTO POEMA

terça-feira, 24 de abril de 2012

O MISTÉRIO DO LOBO- CAPÍTULO 12

- Libório, morto?- Sim, exatamente, em circunstâncias misteriosas, seu corpo foi dilacerado por uma espécie de animal selvagem!- O senhor conhecia a vítima em questão?- Miguel disse que conhecia Libório inclusive eram amigos, mas a resposta não convenceu Vitor Prates que sabia das desavenças entre eles:- Bem, acho que não serão necessárias mais perguntas!- O inspetor se foi para alívio de Miguel.
Naquela noite de lua cheia Miguel saíu de casa misteriosamente, mas não foi só ele que resolveu dar umas voltas pela vila, Elizandra também saiu deixando o doutor sozinho em seu laboratório, depois o médico também saiu sem ela saber. O pianista Frederico Weber não parecia bêbado quando foi em direção a floresta perto da meia-noite, suava frio, todos esses fatos não eram conhecidos do inspetor Prates, mas ele começou a fazer investigações e interrogatórios, o médico estava em casa quando ele apareceu no dia seguinte:- Doutor Caio Fontana?- Sim, o que deseja o senhor?- Inspetor Vitor Prates, vim lhe fazer algumas perguntas sobre a morte de Libório Assunção!- O doutor Caio ficou sem fala, poderia contar a verdade ou não?

Continua

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...

Seguidores

MANO EM: ESSE É DO BOM!

MANO EM: ESSE É DO BOM!
TEXTO E ARTE: THIAGO GUIMARÃES MANO CRIADO POR THIAGO GUIMARÃES

MANO EM: ESTAÇÃO DO AMOR

MANO EM:  ESTAÇÃO DO AMOR
Mano texto e arte Thiago Guimarães