FOTO POEMA

FOTO POEMA

quinta-feira, 12 de abril de 2012

O MISTÉRIO DO LOBO- CAPÍTULO 03

Elizandra acordou assustada com um pressentimento que fez seu coração bater mais forte, onde estaria seu amo? Será que voltara pra casa? Ela correu aos aposentos de seu senhor bateu a porta mas ninguém respondeu:”estaria dormindo?” pensou ela, mas, algo lhe dizia que não, experimentou a fechadura e viu que estava aberta entrou no quarto com uma vela na mão, a cama continuava como ela deixara, arrumada ele não estava em casa, olhou pela janela que estava aberta e viu a imensa claridade da lua cheia que se derramava sobre os campos além da chácara onde eles residiam bem afastados da vila, de repente ouviu um longo uivo agudo e tenebroso vindo da floresta ficou arrepiada da cabeça aos pés só de imaginar. Aquela ex-escrava agora liberta e que cuidava com devoção de seu amo temeu por ele. Elizandra colocou o xale na cabeça e calçou as velhas chinelas, pegou uma muda de roupa e saiu sozinha noite afora, os uivos continuaram cada vez mais longos e inquietantes vindos da floresta, a fiel negra andou a madrugada toda atrás de seu patrão mas o sono a venceu e ela acabou dormindo embaixo da copa de uma àrvore. Quando o sol nasceu retomou sua busca encontrando seu amo numa situação lamentável. Continua ...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...

Seguidores

MANO EM: ESSE É DO BOM!

MANO EM: ESSE É DO BOM!
TEXTO E ARTE: THIAGO GUIMARÃES MANO CRIADO POR THIAGO GUIMARÃES

MANO EM: ESTAÇÃO DO AMOR

MANO EM:  ESTAÇÃO DO AMOR
Mano texto e arte Thiago Guimarães