FOTO POEMA

FOTO POEMA

segunda-feira, 7 de maio de 2012

THIAGO GUIMARÃES - 11 ANOS DE POESIA

Eu parti com o coração partido


Com o coração partido
Eu parti
Sem pensar em nada
Sem me despedir
Com o coração partido
Eu parti

Sem sorrir
Só chorando e com o coração sangrando
E penando

Com o coração partido
Eu parti

Belas lembranças
Brancas nuvens de minha terra

Com o coração partido
Eu parti

Sentindo no rosto
Os ventos da primavera vindoura

Com o coração partido
Eu parti e chorei

Com o coração partido por você.

Thiago Guimarães
Fevereiro de 2003





Acelerado


Sinto a garganta seca, os olhos úmidos, o coração apertado
Piso no freio, não resolve, pois estou acelerado
Nem meus poemas aliviam o que sinto
Se disser que estou bem
Minto para mim mesmo

Sigo sem direção
A esmo pelas auto-estradas
Procurando, sei lá, eu mesmo

A mesmice do cotidiano que me deixou doente
Na sociedade decadente e besta
Sinto a garganta seca na velocidade do meu carro pela estrada.


Thiago Guimarães

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...

Seguidores

MANO EM: ESSE É DO BOM!

MANO EM: ESSE É DO BOM!
TEXTO E ARTE: THIAGO GUIMARÃES MANO CRIADO POR THIAGO GUIMARÃES

MANO EM: ESTAÇÃO DO AMOR

MANO EM:  ESTAÇÃO DO AMOR
Mano texto e arte Thiago Guimarães